Web Estratégica


Consultoria de Marketing

Google desabilita opções de correspondência exata e de frase de palavras-chave

O Google anunciou no blog oficial que a opção de correspondência de palavras-chave foi desabilitada da sua ferramenta de anúncios AdWords. O recurso permitia escolher entre habilitar ou não a associação de erros ortográficos, plurais e variantes com a palavra-chave exata para qual está criando o anúncio.

Segundo estudos apresentados pela empresa, em torno de 7% das buscas realizadas no Google contêm erros ortográficos! Além disso, quanto mais tempo passamos fazendo pesquisas na internet, maiores são as chances de cometermos tais erros.

Google desabilita opções de correspondência exata e de frase de palavras-chave

Esse inclusive foi o motivo do Google AdWords começar a atribuir variações de palavras-chave para correspondências exata e de frase em 2012. Mesmo assim, o anunciante tinha a vantagem de desativar está opção nas configurações do novo anúncio de Links Patrocinados (ela já vinha ativada por padrão) e “aparecer” apenas para as palavras-chave selecionadas.

Com a mudança, a precisão da correspondência exata desaparece e todos os – novos e já existentes – anúncios do Adwords serão exibidos para as palavras-chave com correspondência de frase, além de plurais, erros ortográficos, abreviações e variações de um mesmo radical. A maioria dos anunciantes nem perceberão qualquer alteração em suas campanhas publicitárias criadas na ferramenta, justamente por desconhecerem ou não alterarem essa opção.

Para aqueles que usavam de tal opção para afunilar seus anúncios, ainda contam com a opção de especificar lances diferentes (e bem menores) para cada uma das variações das palavras-chave usadas na campanha, desde que adicionem ela na ferramenta. Por outro lado, se o anunciante não tiver o interesse de aparecer nos Links Patrocinados para algumas destas buscas, basta adicionar a palavra-chave nas listas de palavras-chave negativas.

Estas variações usadas nas pesquisas possuem um potencial de crescimento a ser explorado na exibição dos Links Patrocinados que oferecem alguma relevância ao usuário. O objetivo dessa alteração no Google Adwords visa aproximar ainda mais as empresas do seu público-alvo, oferecendo produtos, serviços ou soluções que possam estar procurando, mas que quase sempre não sabem o nome.

Do lado do gestor da ferramenta, a alteração busca otimizar o tempo na criação de campanhas publicitárias, visto que não será necessário criar listas enormes (com variações, erros ortográficos, abreviações, plurais, entre outros) das palavras-chave para qual quer anunciar. Em resumo, os benefícios da atualização será: aumentar a taxa de cliques (CTR) das empresas que anunciam no Google e dar opções para reduzir o custo por clique (CPC) dos Links Patrocinados.